Logo Dicas
 Home » Saúde » Gordura vegetal ou animal?

Gordura vegetal ou animal, qual a melhor?
[182 acessos]

Atualmente a maioria das pessoas utilizam o óleo vegetal, principalmente o óleo de soja, em sua alimentação diária, e devido à grande produção de soja atualmente, está sendo disseminada uma teoria de que o óleo vegetal é mais sadio do que as gorduras animais devido a não possuir colesterol, mas isso não é verdade. Em primeiro lugar, o óleo vegetal possui produtos químicos, resíduos de agrotóxicos, e em sua produção é utilizada até mesmo a soda cáustica. Na verdade o óleo vegetal se torna um veneno para a saúde quando ele é aquecido a altas temperaturas, oxidando-se rapidamente, podendo causar doenças cardiovasculares, avc (derrame), câncer, entre outras. Já o óleo de oliva (azeite) extra virgem não produz colesterol se consumido na forma natural, mas se for aquecido também pode oxidar da mesma forma que o óleo de soja.

Alguns médicos especialistas em alimentos afirmam que os óleos vegetais são os mais perigosos alimentos criados pela indústria alimentar, e por incrível que pareça muitas pessoas adeptas da alimentação natural utilizam os óleos vegetais industrializados, achando que eles estão fazendo um grande bem para sua saúde!

Agora a maior bomba para a saúde criada pela indústria alimentar se chama "Gordura vegetal hidrogenda". Na natureza não existem gorduras ou manteigas vegetais, por isso a indústria conseguiu transformar os óleos vegetais (principalmente o de soja) em gordura vegetal, mas para isso é necessário um processo de hidrogenação onde o óleo vegetal é submetido à pressão com gás hidrogênio sob temperaturas entre 100 a 200 graus Celsius por várias horas, na presença de um catalisador. No final desse processo é criada uma espécia de graxa preta, impossível de ser consumida pelo ser humano, cheia de gorduras "trans", e depois disso é feito um processo de branqueamento dessa graxa até se tornar uma gordura branca, muito venenosa para a saúde, e que é utilizada na fabricação de todas as margarinas vegetais, sorvetes, bolos (principalmente o recheio), bolachas de água e sal (aquelas que as pessoas acham que não possuem gordura), salgadinhos de pacote, pipocas de micro-ondas, maionese, pães de forma e sanduíche (quanto mais fofinhos, mais gordura hidrogenada possuem), presuntos e mortadelas, e por aí vai. Essa gordura vai se acumulando nas paredes das veias e artérias do ser humano e ressecando elas, além de causar o entupimento gradativo das mesmas, causando problemas cardiovasculares, derrames além de outras doenças. Tenho notado que atualmente estão ocorrendo muitas ataques cardíacos em pessoas jovens e aparentemente sadias, jovens que morrem de repente quando vão jogar bola, e isso deve-se provavelmente ao alto consumo de gordura vegetal hidrogenada.

Um alerta para os consumidores desavisados: atualmente a indústria tem se utilizado de vários artifícios para esconder dos consumidores que seus produtos possuem gordura vegetal hidrogenada, um deles foi associar gordura trans com gordura vegetal hidrogenada, então colocam no rótulo do produto que ele possui 0% de gordura trans, fazendo o consumidor acreditar que aquele produto não possui gordura hidrogenada, e na verdade muitos deles possuem, para isso basta verificar nos ingredientes do produto se ele possui gordura vegetal (mesmo que não tenha a palavra "hidrogenada"), se possuir com certeza ele possui gordura vegetal hidrogenada, pois toda gordura vegetal é hidrogenada.

Já as gorduras animais, principalmente a banha de porco, são muito saudáveis para a saúde, desde que consumidas moderadamente, e o maior problema atualmente é a desinformação da população, patrocinada pela indústria alimentar, farmacêutica, agrícola, médicos e cientistas, que afirmam que a causa das doenças cardíacas são devidas às gorduras de origem animal. A gordura animal, em especial a de porco, lubrifica as veias e artérias, faça um teste você mesmo fritando um ovo com óleo vegetal e outro com banha de porco e note que o ovo irá pregar no fundo da panela com o óleo vegetal, enquanto com a gordura de porco ele ficará mais solto.

E por falar em ovo, outro mito muito difundido é que ele causa altas taxas de colesterol no ser humano, outra grande mentira, pois o ovo é colesterol puro, e recentemente cientistas descobriram que o intestino humano não absorve colesterol puro! O colesterol ruim é criado em nosso organismo pelo consumo de vários alimentos nocivos à saúde, e não por ser absorvido diretamente pelo mesmo.



© 2018 Maxissoft   |   Política de privacidade